Hello pessoal,

 Aproveitei a quinzena de férias em Agosto para aprimorar um pouco mais nos cuidados ao rosto, e claro, testar produtos novos para vos falar um pouco deles. A verdade é que não tenho uma rotina fiel, vou experimentado vários produtos mas aproveitei este trio e portei-me bem, utilizando-os quase todos os dias (nem sempre me maquilhei). Falo-vos agora um pouco de cada um deles.


 PUR BLEUET - Desmaquilhante para olhos sensíveis

"Este desmaquilhante elimina perfeitamente a maquilhagem das pestanas e das pálpebras, respeitando simultaneamente a zona frágil do contorno dos olhos. A sua textura suave e fresca oferece todo o conforto e o apaziguamento necessários à desmaquilhagem dos olhos sensíveis. Indicado para portadores de óculos/lentes."

 Foi a minha única compra na Yves Rocher em Paris. Sim, Paris tem uma loja da Yves Rocher a cada esquina e são uma perdição. O atendimento pareceu-me fantástico (confesso que não pesco muito de francês mas a minha amiga gosta bastante), e adorei poder ver todos aqueles produtos lindos de catálogo em loja. Continuo cheio de inveja. Trouxe apenas este produto porque não tinha mala de porão e não podia trazer nada com mais de 100 ml, e estava mesmo a precisar de desmaquilhante para olhos.

 É uma embalagem de 100 mL em tons lavanda, mas o seu componente principal é a Centáurea Azul, uma flor produzida em La Gacilly e com a qual a Yves Rocher desenvolve produtos desde 1972 (detalhe que vem escrito na embalagem e achei interessante). É uma água suave, sem aroma e perfeita para olhos sensíveis. Não remove tão bem maquilhagem à prova de água mas no geral umas gotas num disco de algodão trata de um olho, deixando-o limpo, sem vestígios de maquilhagem e, muito importante, nada irritado. Durabilidade de 6 meses após abertura. Preço habitual de 8,35€ mas encontra-se com 40% de desconto, vejam aqui.


PURE CALMILLE - Gel de limpeza

"Este gel elimina todas as impurezas e vestígios de maquilhagem sem secar a pele. Textura em gel fresco, não secante".

 A Yves Rocher trabalha com camomila desde 1964, também esta flor plantada em La Gacilly. A Camomila é conhecida pelas suas propriedades suavizantes e protectoras, sendo também uma planta indicada para os produtos para peles sensíveis. É um gel pouco viscoso com um aroma floral, que deve ser usado de manhã e à noite, aplicado no rosto húmido e massajado. É fácil de aplicar mas notei que massajando apenas com as mãos e passando por água ainda ficavam vestígios de base pela cara. É muito mais eficaz se utilizarem algo para massajar para além das mãos (eu uso frequentemente a foreo) e se removerem com uma esponja macia. É perfeito para usar no banho. Embalagem de 200 ml, duração de 6 meses após abertura. Está também promoção, a 3,49 € aqui.

PURE CALENDULA - Creme regenerador dia e noite

"Este creme reduz imediatamente as sensações de repuxamento. As rugas e rídulas são alisadas. A pele fica suave, confortável e nutrida. Textura creme, rica e fundente."

 A Calêndula é conhecida pelas suas capacidades regeneradoras. É frequentemente utilizada em produtos de bebé, para a higiene da fralda por isso mesmo. Para além de ter uma componente hidratante muito importante. Também esta planta nasce em La Gacilly (adoro este pormenor da marca produzir estes componentes tão importantes) e a Yves Rocher cria produtos com esta flor desde 1977. Confesso que não sou a maior fã do aroma a calêndula... mas o creme em si é agradável. O aroma não é muito intenso, uma textura intermédia fácil de aplicar e de absorção média. E funciona como creme de dia e de noite. Não posso argumentar face à atenuação de rugas e rídulas mas a sensação de repuxamento desaparece. E como por aqui só há promoções, está a 8,99 € aqui.

 São três produtos indicados para peles normais a sensíveis, que recomendo depois de usar estas duas semanas. Aproveitem que estão em promoção! Destas linhas, que produtos recomendam?

Kiss kiss,
Catarina R.


 Amanhã regresso ao trabalho depois das férias. Nunca nos apetece, é verdade... apenas no meu primeiro emprego como enfermeira, sentia sempre vontade de voltar depois do período de férias grande. Mas nos últimos 5 anos, as férias sabem-me sempre a pouco. Este ano em particular porque não conseguimos "fazer férias", não fugimos à rotina para um sítio calmo como tinha planeado, nem passámos mais tempo juntos... quando um de nós trabalha por conta própria, a coisa muda de figura. Ainda assim, passei mais tempo com o Alexandre.

 Foi maravilhoso e cansativo. Só tenho um pequeno, mas pouco ou nada consegui avançar em casa. E infelizmente ficou doente, com febres altas, o que o deixou ainda mais dependente de mim (já passou e não foi nada de grave). Tinha planeado fazer uma série de pinturas em casa e arrumações, que ficaram logo postas de lado. Paciência, mais tempo virá, e ao menos tive uma dose generosa de amor do meu pequeno 24/24.

 Amanhã regresso ao trabalho. Não é só o regresso a uma rotina inconstante e cansativa que me preocupa. O que me preocupa é que vou passar a fazer turnos de 12h (que implicam 13h fora de casa, quando não é mais) e noites. Vou sair de casa mais tardar 7h30m para chegar 20h45m ou 21h, cansada e provavelmente com pouca tolerância. E vou passar as fazer noites, em que preciso de descansar de véspera e no dia seguinte, em horário útil... Basicamente vou voltar à realidade de uma enfermeira. Trabalho por turnos, fins de semana, feriados e épocas festivas.

 Enquanto não tinha filhos, trabalhava até mais horas, fazia "horários malucos" em que trabalhava 70 ou 80 horas por semana. Perdia épocas festivas, encontros de amigos, almoçaradas e jantaradas... agora não me passa pela cabeça perder o tempo com os meus, principalmente com o meu filho. Tenho que trabalhar, com certeza, até porque é algo de que gosto. Mas temo que este ritmo irá dar cabo de mim...

 Legalmente há artigos que nos suportam, embora ainda não tenha estudado bem essa questão. A ver vamos como corre esta introdução à realidade de uma enfermeira... e logo verei o que fazer, o que for melhor para o Alexandre.

 Por aí alguém que passe pelo mesmo?

Kiss kiss,
Catarina R.
Olá pessoal,

 Sim, vamos ter um vídeo novo! Não é um retorno permanente, mas um pequeno lookbook que construí a pensar nos festivais de Verão. No entretanto já se passaram os festivais, mas continua a ser uma boa sugestão para o dia-a-dia.
 Todos estes conjuntos têm peças da linha Esmara do Lidl, de uma colecção dedicada ao estilo "coachella". São três opções versáteis, sendo que as túnicas são uma excelente opção para um final de dia mais ventoso (como tem sido este verão)


 Admito que fui muito básica, principalmente a nível de acessórios e maquilhagem, mas a realidade é que sou assim nestas épocas mais quentes... Só quero vestir algo leve e fresco e continuar o meu dia e achei que devia me manter fiel à minha realidade. Espero que gostem do vídeo que se segue.


 É este tipo de vídeos que me dá gozo de gravar e editar, se quiserem ver mais do género, digam :)
 O que acharam dos conjuntos?

Beijinhos,
Joana R.

[Vídeo] Lookbook de Verão

by on August 28, 2017
Olá pessoal,  Sim, vamos ter um vídeo novo! Não é um retorno permanente, mas um pequeno lookbook que construí a pensar nos festivais de ...
 Hello pessoal,

 Chegámos aos 2000 seguidores no Facebook, uma plataforma em crescimento para nós e que nos tem trazido mais interacção convosco. Já tínhamos falado em fazer um mega sorteio para festejar esta meta e assim vai ser. São mais de 30 produtos de marcas que gostamos e muitos deles já experimentámos. Neste cabaz têm produtos para corpo, rosto, unhas, cabelo e alguma maquilhagem.


 Como na imagem não dá para ver tudo, aqui vai a lista dos produtos:
 Barral Dermaprotect Creme Hidratante
 Barral Dermaprotect Creme de mãos reparador
 Cien Spray Solar Transparente SPF 30
 Yves Rocher Gel de Duche Concentrado Baunilha
 Diadermine Creme Anti-Rugas Dupla Acção Dia
 Cien Creme de Noite Q10
 O Boticário Protector Solar Facial SPF30 
 Labello Fruity Shine Peach
 Gliss Spray Condicionador Million Gloss
 Schwarzkopf Oasis+ Soft Glam Holdspray
 Bc Bonacure Fibreforce Mask
 Novex My Curls Mask
 Novex Argan Oil Mask
 Novex Blindagem Capilar
 Avon Life Eau de Parfum
 Avon Encharpe
 Catrice 24h Made To Stay Foundation (010 Nude Beige)
 Essence All-In-One CC Cream (natural)
 Essence All About Matt Make-up Base
 Revolution Iconic Blush Bronze & Brighten
 Makeup Revolution Blush
 Gosh Smokey Eyes Palette
 Revolution Salvation Intense Lip Lacquer
 Essence Glossy Lipbalm Strawberry Cheesecake
 Avon Mark Eyeshadow Inks
 Andreia Hybrid Gel H50
 Andreia Hybrid Gel H51
 Andreia Hybrid Gel H52
 Andreia Hybrid Gel H53
 Andreia Hybrid Gel H54
 Andreia Hybrid Gel Fusion Shine
 Acessorize 4D Nail Pearls

 Se quiserem participar é muito simples, basta preencherem o formulário abaixo, respeitando o que é pedido. Têm duas entradas obrigatórias e as restantes são opcionais, mas que vos dão mais probabilidades de ganhar.
 As restrições também são simples, uma participação por pessoa com residência em Portugal. O sorteio vai terminar no dia 23 de Setembro às 00h.

a Rafflecopter giveaway

Boa sorte!

Beijinhos,
Catarina R. e Joana R.
 Como ainda estamos em fase de convalescença e este calor abrasador não ajuda nada, ainda para mais com um nariz entupido (sempre que saio de casa tenho a nítida sensação que estou dentro de uma sauna com o nariz tapado), decidi ficar a maior parte do dia em casa. A manhã foi passada a arrumar depois de ter tido alguns amigos cá em casa (sim, correram o risco de ficar doentes só para estarmos juntos :)). E depois de almoçarmos e de o Alexandre fazer a sua soneca, estou a pensar ver um filme. Não sei porque não me apetece ver nenhuma novidade, estou mais inclinada para algo que já conheça... geralmente aquilo que vi e gostei é reconfortante nestas alturas.

 Hoje recomendo dois filmes, que embora pertençam a géneros diferentes, são ambos favoritos e então na "my list" do Netflix.



 Crimson Peak (2015)

 É uma história de fantasmas, passada na era vitoriana, em que uma jovem escritora (não reconhecida por escrever sobre fantasmas e ser mulher), deixa a sua cidade e o seu romance de infância por um novo amor, depois de uma tragédia familiar. A sua chegada à colina vermelha não será indiferente e muitos segredos serão revelados...

 Um enredo misterioso, romântico,  traiçoeiro. Apela à nossa imaginação e ao nosso lado negro, não deixando de passar pela luxúria da paixão proibida... adoro este tipo de filmes e nem todos conjugam estas variáveis. Para além de que o elenco é aceitável. Tom Hiddleston (mais conhecido como Loki nos novos filmes de Thor da Marvel) é um dos meus actores favoritos como vilões e embora este não seja o personagem mais vilão de sempre, até gostei. Mia Wasikowska (podem lembrar-se dela dos filmes sobre Alice do Tim Burton) pareceu-me a escolha ideal para o papel de uma mulher bela e frágil.  Uma interpretação surpreendente de Jessica Chastain (poderão tê-la visto no Marciano ou no Interstelar). Curiosamente, aparece o Charlie Hunnam, com quem não estava à espera... infelizmente não tirou a camisola (ahahaha...desculpem,não resisti). O melhor deste filme é contar com a direcção de Guillermo del Toro, em que este deixa a sua marca, com uma linguagem visual fortíssima.



 Tomorrowland (2015)

 Acreditar num futuro cheio de vida e oportunidades pode ser difícil depois de saber o que nos espera. Mas nada como juntar um cientista desiludido e uma adolescente brilhante e rebelde para ter uma aventura fantástica e salvar o mundo.

 Faltam filmes que incentivem os mais novos a gostarem de ciência. Ainda à pouco tempo o Paulo tentava "vender" a um miúdo de 9 anos porque é que o Tesla (que ele não tinha ideia de quem era) é um dos seus heróis e não o Iron Man (tarefa difícil e que não teve muito sucesso). Este filme, que conta com uma um bom elenco como George Clooney e Hugh Laurie, fala-nos de uma realidade paralela e alternativa à nossa onde mentes brilhantes trabalham em conjunto para um futuro melhor. Mas até as melhores invenções têm efeitos negativos e uma delas transformou o nosso futuro... bons efeitos, um enredo cativante e um filme para toda a família (aí a partir dos 8 ou 9 anos).

Espero que tenham gostado destas sugestões e bom domingo!

Kiss kiss, 
Catarina R.

 

 Este rapaz não pára. 


 É daquelas frases que oiço dizer tanto os meus pais como os meus sogros. E às vezes dá nisto.  Corre de um lado para o outro, puxa, empurra, monta e desmonta. Tropeça e levanta. Mas de vez em quando lá cai a sério. Geralmente não se aleija (muito) mas anteontem a coisa correu-lhe mal. Foi de cara ao chão. Na altura não chorou, conta o avô. Quando cheguei a casa, espreitava já o "olho à belenenses".
 Não apliquei nada de produtos, dado estar na pálpebra inferior. Gelo foge dele a sete pés. Já agora... técnicas de distracção para convencê-los a deixarem aplicar o gelo?
 Ainda não tem 2 anos e este rapaz já tem um olho negro.

Kiss kiss,
Catarina R.
Olá pessoal,

 Quem viu a minha publicação sobre o combate de máscaras deve perceber o porquê de eu dizer que o produto de hoje é muito bom, porque, se no meio de tantas máscaras abertas eu consigo recorrer quase sempre à mesma, isso quer dizer alguma coisa. Não invalida o facto de algumas das outras também serem boas, mas faz com que esta seja a minha favorita dos últimos meses. Agora, estou a falar de que máscara? Da Glam & Doll Sculpt & Volume da Catrice.


 O que a marca diz: "Defining Doll. A nova adição à famosa gama Glam & Doll: a máscara Sculpt & Volume define cada pestana individual com a sua escova de elastómero. Ao mesmo tempo, a textura preta intensa garante volume XXXL e uma curvatura espetacular sem aglutinar."



 A minha opinião: Em primeiro lugar, fiquei rendida à escova dela, pequena, de borracha, ligeiramente oval e com cerdas mais curtas nas pontas e mais compridas no centro. Não vem carregada de produto, o que ajuda a obter um efeito mais natural e permite aplicar algumas camadas sem criar uma "papa" nas pestanas. O tamanho é perfeito para chegar as pestanas mais curtas, como as inferiores e as que estão mais próximas do canto lacrimal, sem pintar o resto do olho (eu como sou desastrada, só consigo essa proeza nas pestanas superiores)
 Normalmente nunca aplico uma camada, vou aplicando várias para conseguir uma boa curvatura e alongamento, e mesmo com diversas camadas, em momento algum obtenho grumos ou o efeito de pestanas coladas (estilo teia de aranha). Com esta mascara consigo umas pestanas bem pretas, com muito mais volume, e algum alongamento. Não dá muita curvatura, e a que dá, perde-se com alguma facilidade.
 Apesar de não ser uma máscara à prova de água, ela não borra ao longo do dia, apenas vai perdendo a intensidade (nunca por completo).



 Quantidade: 9,5ml.

 Validade: 6 meses.

 Preço: 4,59€

 Local de compra: Vários locais, recomendo a Well's ou a @Cosmetics



 Prós:
- Escova pequena, fácil de utilizar;
- Não deixa grumos;
- Não deixa o efeito de pestanas coladas;
- Deixa as pestanas bem escuras;
- Dá um bom volume e algum alongamento;
- Não borra.

 Contras:
- Não dá muita curvatura e esta perde-se rapidamente;
- No final do dia já não tem um efeito tão intenso.

 Recomendo? Sim, até agora gostei de todas as máscaras da Glam & Doll, apesar de terem efeitos diferentes, todas elas têm a particularidade de não borrarem ao longo do dia e de poderem ser trabalhadas sem deixar grumos ou pestanas coladas e para mim isso é um ponto chave.

 Já conheciam esta máscara? Qual a vossa favorita?


Beijinhos,
Joana R.
casamento
substantivo masculino
  1. 1.
    ato ou efeito de casar(-se).
  2. 2.
    união voluntária de um homem e uma mulher, nas condições sancionadas pelo direito, de modo que se estabeleça uma família legítima.

 Acho que podemos acrescentar uma terceira definição:

      3. evento social que permite estrear um vestido novo

 Tinha este guardado desde os saldos de Verão do ano passado. Daqueles achados que custaram 15 € na H&M (este ano não vi nado do género) e por acaso nunca o utilizei... e passei o verão passado a usar vestidos (este ano, com esta ventania toda, confesso que ando a fugir um pouco deles).
 


 Foram as cores e a leveza que me cativaram neste vestido, e achei que o casamento de 30 de Junho de um casal amigo era a desculpa perfeita para o tirar do armário. Não conjuguei com mala, até porque tive que levar a minha mala gigante do dia-a-dia, já que sair com o Alexandre muita coisa em formato "on-the-go". E também não andei louca à procura de um sapato lindo porque pensei "vou andar horas a correr atrás do Alexandre, saltos é melhor não", e optei por levar umas sandálias rasas muito confortáveis.

 Ficou simples mas bonito, não acham?

 

 Não consegui uma foto decente da maquilhagem... o Paulo não colabora muito comigo nestas coisas. Já ter direito a foto de vestido é uma sorte! :D Em todo o caso utilizei 2 produtos que estou a adorar... a base da Flormar que podem ver no último vídeo de look da Joana e a nova bruma da Vichy. Estava tudo no sítio ao fim de 14 horas!

Kiss kiss,
Catarina R.
Olá pessoal,

 Foi um final de tarde algo ventoso, mas não o tornou menos acolhedor. Algo contraditório não é verdade? Mas as colecções do Ikea, principalmente as salas e os quartos dão sempre esta sensação de conforto, e o catálogo de 2018 tem principal foco nas salas. 

 Mais espaço para a vida, é o slogan do ano, e não podia estar mais correcto, como a marca afirma, queremos mais espaço para natureza, mais espaço para brincar, mais espaço para celebrar e mais espaço para os amigos. E admito, que embora no Verão seja muito fácil combinar uma cervejinha à beira mar, quando chega o Inverno fico muito mais caseira, e a casa começa a ser o ponto de encontro com os amigos, quer seja para jantar ou simplesmente conviver.

Vão ser lançados muitos artigos novos e algumas colecções, mas a maior novidade é a rebaixa de alguns preços. Quer seja por ter um grande número de vendas ou por terem conseguido um custo de envio mais baixo, a verdade é que alguns produtos vão baixar o preço no próximo ano.

 Para além de conhecermos o novo slogan, também tivemos acesso ao novo anúncio televisivo, que está muito bem conseguido (adoro a música), mas só o poderão conhecer quando for lançado. E o ponto alto do dia, foi termos o cenário igual à capa de 2018 montado em vida real, onde podemos fotografar e personalizar o nosso próprio catálogo. Também vão poder ter esta oportunidade (vejam como aqui), mas se quiserem saber tudo em primeira mão, vão a uma loja Ikea e tornem-se membros ikea family (cartão gratuito) que vos dará acesso privilegiado a todas as novidades e a estas acções que deverão decorrer no final do mês.
 Deixo-vos com algumas fotografias do evento e o resultado final do nosso catálogo.


















 Também são clientes assíduos do Ikea?


Beijinhos,
Joana R.


 Ultimamente tenho visto vários comentários pelos grupos e fóruns de mamãs sobre o "sleep arrangement" alheio. E não assim tão simpáticos... ora que é porque passou aos 3 meses para o quarto, ora porque ainda dorme no quarto dos pais ou ainda, aquela que geralmente causa mais polémica, porque partilha a cama com os pais.

 Nunca fui fundamentalista em nada, nem na alimentação nem nos cuidados ao Alexandre. Fui a certa altura mais restrita, mas rapidamente fui relaxando à medida que ele me ia transmitido isso mesmo... "relaxa mamã". Nisso, acho que os nossos bebés estão bem mais preparados do que nós pais.

 Em relação ao sono, tínhamos decidido mantê-lo no quarto até aos 6 meses e decidir depois quando e como o fazer. Sempre que pensámos em fazê-lo surgiu algo: viagem a Paris, estadia de amigos, mudança da minha rotina de trabalho, doença súbita do Alexandre... até que está nos 23 meses e no nosso quarto. Não digo "ainda" porque não vejo mal. Ele dorme quase sempre a noite seguida, de vez em quando acorda "na saída de vela" para mamar. E dorme muito bem durante o dia e início da noite em casa dos avós. Não vejo que a transição para o quarto vá ser um problema para ele... mais para mim que vou passar a ter que sair do conforto do quarto e subir escadas para chegar ao quarto dele.

 Acho que se aproxima a altura, e espero ter tempo e vontade para organizar o quarto dele no período de férias... e logo se verá!

 Contem-me as vossas experiências... quando foram para o quarto?

Kiss kiss,
Catarina R.
Olá pessoal,

 Quem nunca se deparou com a dificuldade de manter a base e o corrector impecáveis num dia de 34ºC, em que qualquer coisa que colocamos no rosto tem tendência a derreter como um gelado ao sol? 
 Admito que isto acontece-me tanto que eu raramente aplico maquilhagem nesta época, até porque das duas uma, ou estou a trabalhar, ou estou na praia. Ainda assim, há sempre dias de festa ou de eventos importantes em que gosto de aplicar maquilhagem na mesma. E com o tempo, reparei que nestas épocas tenho tendência a ir sempre para os mesmos produtos, por saber que eles funcionam bem comigo. 



 Começamos pelo primer, algo indispensável no Verão. Há para vários efeitos e/ou tipos de pele, mas o conceito base é sempre o mesmo, aumentar a duração dos produtos aplicados por cima. Neste momento estou a utilizar o do Boticário, que promete diminuir a aparência dos poros e matificar a pele enquanto a prepara para receber a base. No que toca aos poros não noto muita diferença, mas noto que a mantém matificada durante mais tempo e aumenta a durabilidade da base e até do blush/iluminador/bronzer.

 Depois avanço para o corrector, que utilizo sempre o mesmo à anos, o studio finish da MAC. Ele tem uma excelente cobertura, não precisam de muita quantidade para cobrir as imperfeições, não acumula e o melhor, dura-me o dia todo. Esta é a principal razão pela qual escolho sempre este, é o único que experimentei até hoje, que aguenta mais do que um dia de trabalho, posso me maquilhar às nove da manhã, que à meia noite ainda o tenho.

 Com a base aprendi a simplificar ao máximo, opto sempre por BB Cream ou base em mousse. É verdade que têm menos cobertura, mas são muito mais leves e nunca deixam aquele aspecto pastoso. Costumo escolher entre a base em mousse da Catrice ou o BB Cream da Garnier, ambos com acabamento matte aveludado e cobertura fraca a média.

 Por fim o , tão importante como o primer, pois é o que vai selar tudo no sítio. As peles mais secas podem saltar este passo, pois pode evidenciar as zonas secas do rosto, mas para as restantes, pode ser o produto chave. Eu gosto de usar o pó solto translúcido da MUFE, que é super caro, mas bom. É super leve, não deixar qualquer tipo de resíduo branco, mantém a pele matte durante mais tempo e aumenta a durabilidade dos produtos líquidos e/ou cremosos. Na eventualidade de não terem possibilidade de adquirir este, recomendo o prime and fine da Catrice.



 E ficam assim apresentados os produtos que utilizo para preparar a pele nos meses mais quentes. Costumam utilizar maquilhagem no Verão? Quais os vossos produtos favoritos?

Beijinhos,
Joana R.


 Estamos nos 23 meses, altura em que a linguagem começa a ganhar mais forma. Todas as crianças são diferentes e têm os seus timings, mas o considerado habitual para esta etapa é: formular frases de duas a quatro palavras; cantar canções simples; repetir palavras ouvidas em conversas; reconhecer e identificar partes do corpo. O Alexandre, embora não tenho um contacto diário com outras crianças da sua idade, já tem um vocabulário de várias palavras e começa agora a formar frases.

Deixou-nos de boca aberta este desenvolvimento súbito, não tanto o "olha ele já forma uma frase" mas mais o conteúdo da mesma...

A semana passada estava a fazer uns deliciosos crepes de ovo para o almoço, e o pequeno, que havia dormido até às 12h, acordou cheio de fome e estava em modo "pedincha". Disse-lhe que tinhamos que esperar pelo pai, e chamei o pai para vir almoçar, que me respondeu "é só mais este video do youtube". Não é que o Alexandre não vai de modos e exclama a alto e bom som: "Pai, cá!". E vai buscá-lo pela mão à sala. Com um pedido destes claro que não se negou.

Ontem, surpreendeu-nos novamente. Pediu, do nada, "Pai, põe carro! (referindo-se ao filme Carros).

 E assim, de repente, este rapaz fala, quer e manda!

Kiss kiss,
Catarina R.