Cinema às Sextas: Pedro e Inês

/ October 19, 2018
Olá pessoal,


 Hoje voltamos a mais um segmento da rubrica "Cinema às Sextas", com um filme estreado ainda esta semana, pelo que têm imenso tempo para o ver.

 Desde que o trailer de "Pedro e Inês" começou a dar na televisão, que a minha mãe comentava comigo que o queria ver. Pensei bastante, pois, não querendo denegrir ninguém, nós não somos os melhores a nível de cinema, os filmes são repletos de cenas sexuais ou piadas secas e acabam por se tornar muito banais. Mas acabei por ceder, já que entre estar nos cinemas e dar na nossa televisão passa-se muito tempo e não ia fazer essa desfeita à minha mãe. Então, lá fomos nós ver algo inspirado numa história que também eu gosto bastante.


 Se não conhecerem este romance, recomendo a que façam alguma pesquisa na internet, pois é uma história trágica e o filme não poderia fugir muito à realidade, não é verdade?

 Então, esta história representa três personificações do casal. A que conhecemos em 1300 e poucos, uma versão da actualidade e outra do futuro. Em todas elas, as personagens são interpretadas pelos mesmo actores, para ser mais fácil de perceber, visto que o filme está constantemente a pular de espaço temporal. Eu achei uma história um pouco pesada, mórbida até... A música de fundo ainda dramatizava mais o clima e não foi um enredo feliz. Só que não me posso queixar em relação a isso, já que a história acaba mal e ponto final, não podemos mudar o passado e limitaram-se a representar a realidade, e muito bem. Os actores fizeram um excelente trabalho, achei-o muito apelativo e apesar de saber o final, sentia-me agarrada ao ecrã. Posso concluir que saí com uma sensação agri-doce, pois achei dos melhores filmes Portugueses que já vi, mas super pesado, como expliquei anteriormente.
  Não adorei vê-lo no cinema, acho que vale a pena ver, pela sua boa interpretação e porque no enriquece em termos históricos (a representação de 1300 está muito de acordo com a realidade), mas é daqueles filmes que só se vêem bem num sábado à tarde em família com um cházinho quente, entendem-me?

 Deixo-vos com o trailer, para vos elucidar um pouco melhor o enredo.7

 No ImDb está cotado com 7,3 de 10⭐ E eu apoio esta pontuação.
 Para quem já viu, o que acharam?

Beijinhos,
Joana R.
Olá pessoal,


 Hoje voltamos a mais um segmento da rubrica "Cinema às Sextas", com um filme estreado ainda esta semana, pelo que têm imenso tempo para o ver.

 Desde que o trailer de "Pedro e Inês" começou a dar na televisão, que a minha mãe comentava comigo que o queria ver. Pensei bastante, pois, não querendo denegrir ninguém, nós não somos os melhores a nível de cinema, os filmes são repletos de cenas sexuais ou piadas secas e acabam por se tornar muito banais. Mas acabei por ceder, já que entre estar nos cinemas e dar na nossa televisão passa-se muito tempo e não ia fazer essa desfeita à minha mãe. Então, lá fomos nós ver algo inspirado numa história que também eu gosto bastante.


 Se não conhecerem este romance, recomendo a que façam alguma pesquisa na internet, pois é uma história trágica e o filme não poderia fugir muito à realidade, não é verdade?

 Então, esta história representa três personificações do casal. A que conhecemos em 1300 e poucos, uma versão da actualidade e outra do futuro. Em todas elas, as personagens são interpretadas pelos mesmo actores, para ser mais fácil de perceber, visto que o filme está constantemente a pular de espaço temporal. Eu achei uma história um pouco pesada, mórbida até... A música de fundo ainda dramatizava mais o clima e não foi um enredo feliz. Só que não me posso queixar em relação a isso, já que a história acaba mal e ponto final, não podemos mudar o passado e limitaram-se a representar a realidade, e muito bem. Os actores fizeram um excelente trabalho, achei-o muito apelativo e apesar de saber o final, sentia-me agarrada ao ecrã. Posso concluir que saí com uma sensação agri-doce, pois achei dos melhores filmes Portugueses que já vi, mas super pesado, como expliquei anteriormente.
  Não adorei vê-lo no cinema, acho que vale a pena ver, pela sua boa interpretação e porque no enriquece em termos históricos (a representação de 1300 está muito de acordo com a realidade), mas é daqueles filmes que só se vêem bem num sábado à tarde em família com um cházinho quente, entendem-me?

 Deixo-vos com o trailer, para vos elucidar um pouco melhor o enredo.7

 No ImDb está cotado com 7,3 de 10⭐ E eu apoio esta pontuação.
 Para quem já viu, o que acharam?

Beijinhos,
Joana R.
Continue Reading
 O Halloween está aí à porta.... uma tradição que não era de todo portuguesa mas que parece que a abraçámos nos últimos dois anos. Ainda não fazemos um "trick or treat" bem à americana, mas os miúdos já usam roupa alusiva ao tema ou chegam mesmo a mascarar-se, bem como os graúdos. Mas hoje foco-me nos miúdos e naquilo que vi pela C&A para os miúdos usarem!

 No ano passado tentei mascarar o Alexandre de múmia mas a coisa não correu nem durou tanto como eu queria... por isso acho que é uma boa opção peças mais práticas para os mais pequenos, enquanto eles não ligam muito à coisa. Ficam aqui as sugestões, "pró menino e prá menina"!






Os preços oscilam entre os 2€ e os 15€ e algumas peças dão não só para esta época como para o resto do Outuno/Inverno. E agora, até podem comprar online! É só clicar na peça que gostaram para ver mais detalhes.

 E à parte a roupa, o que interessa é que eles se divirtam muito e nós também!

Kiss Kiss,
Catarina R.
Olá pessoal,

 Como muitos de vocês devem saber, o bebé número 2 está a caminho e estamos todos muito ansiosos por o conhecer. A Catarina tem andado bem, embora já em casa, mas ela já falou disso aqui no blog e vai dando mais detalhes no nosso instagram. Mas havia uma coisa que ela queria fazer, que não teve oportunidade na gestação do Alexandre, um Baby Shower. Infelizmente não pode fazer grandes esforços, então juntei-me a uns amigos para organizarmos uma festa surpresa


 Esta aconteceu já algumas semanas, mas queria muito partilhar alguns detalhes com vocês. Não quis organizar uma festa tradicional, com jogos e desafios, apenas quis juntar os amigos mais próximos para um final de tarde com muito convívio, comida e boa música.

 Foi uma complicação programar tudo sem ela desconfiar, já que o ajuntamento se realizou na casa dela e ainda por cima, fui recebendo algumas coisas em casa, das quais eu já vou falar, e que ela viu e me fez inventar algumas mentirinhas 😅😅

 Aqui estão alguns registos fotográficos da preparação e das duas marcas que nos ajudaram: (fotos de telemóvel)


baby shower
 



baby shower


baby shower

baby shower

 Mas correu tudo lindamente e ela só desconfiou quando viu os carros à porta e ainda assim, não sabia bem o que era.
 No dia, foi uma correria e quero agradecer à minha mãe, à Graziela e ao Pedro por me ajudarem com as decorações e alimentos. Não poderia partilhar detalhes deste dia com vocês sem agradecer ao Lidl que nos providenciou toda a alimentação para a festa, assim como um cabaz para a Catarina e o bebe; e à Luso que nos disponibilizou bebidas.
 Outro nome que não posso deixar passar em branco é novamente o da Graziela, à qual tenho de agradecer por ter tratado de todas as fotos e edição, podem conhecer a página dela aqui.


 E aqui está o resultado final:



baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower

baby shower



 Embora esta publicação não seja paga, a realidade é que todos os alimentos e bebidas da festa nos foram oferecidos pelas marcas, às quais tinha de agradecer publicamente pelo carinho. Mas não queria deixar de ser transparente com vocês, e posso vos dizer com toda a sinceridade (quem nos conhece pode confirmar), que oferecidos ou não, teriam sido a nossa escolha e não íamos partilhar com vocês se não fosse assim.


Beijinhos,
Joana R.

Baby Shower

by on September 26, 2018
Olá pessoal,  Como muitos de vocês devem saber, o bebé número 2 está a caminho e estamos todos muito ansiosos por o conhecer. A Cat...
 
Hello pessoal,

Já passou quase um mês, mas a verdade é que o blog ficou um pouco para segundo plano e apenas falámos da festa de aniversário do Alexandre pelo Facebook e Instagram. Mas mais vale tarde que nunca, e aproveito agora para vos mostrar alguns detalhes do dia e da decoração.

O tema da festa


 Foi ele que escolheu o tema da festa, os Carros. Esta vontade ficou ainda mais marcada depois de me ver a pesquisar ideias no Pinterest para a decoração. O orçamento não estava definido, mas não queria ter que gastar mais que 20 ou 30 euros em decoração. O bolo, ficou a cargo da Avó Gina, o que logo me permitiu poupar um balúrdio. Depois de pesquisa feita decidi que não queria as cores mais comuns associadas ao filme Carros, como o vermelho vivo, o padrão axadrezado ou o azul, e optei pelo azul bebê, laranja quase pêssego e branco. Inspirei-me numa das decorações que vi no Pinterest e a Joana fez um trabalho maravilhoso para alcançar o que eu queria para identificar alguma da comida na mesa. As bandeirolas, pratos e balões comprámos entre um chinês e um fornecedor deste tipo de materiais.



A comida

 A comida para a mesa dos miúdos foi pensada tendo em conta o tema... espetadas de fruta a representar semáforos apelidadas de Sheriff's Stop Lights, roscas de bolacha e chocolate a representa a Luigi's Tower of Tires, etc. Basicamente, é rever o filme para tirar umas ideias. Já a mesa dos graúdos não foi muito pensada, eram os salgados e fruta que toda a gente gosta. A mesa dos doces ficou estrategicamente escondida na cozinha (por acidente na realidade, que já não havia mais espaço cá fora). No final houve febras assadas no pão para todos. Claro está, recrutei a minha sogra e a minha mãe para ajudarem com a comida, que já na altura não estava capaz de ficar horas ao fogão.








 Como a festa foi realizada na nossa casa nova, fiz no exterior para poder aproveitar o sol e o calor. Separei por áreas e criei um espaço para os mais pequenos pudessem brincar. Decidimos juntar à festa o nosso Unicórnio, já que não há piscina para o tamanho dele.


 Deixo-vos com mais fotos do dia, pela lente da Graziela Costa Photography (cliquem para verem mais do seu trabalho).





 Acho que este aniversário já lhe irá ficar na memória... para nós fica e apenas tenho a agradecer à família e amigos pela ajuda que deram em montar o espaço, fazer a comida (obrigada avós!) e pela sua presença. Para o ano começa a ser a dobrar... acho que vou já começar a pensar em temas!

 Kiss kiss,
Catarina R.

3 anos de Alexandre

by on September 21, 2018
  Hello pessoal, Já passou quase um mês, mas a verdade é que o blog ficou um pouco para segundo plano e apenas falámos da festa de an...
Olá pessoal,

 Hoje quero partilhar com vocês um bocadinho das minhas férias. Sendo que esta viagem em especifico não tem muitas informações (de um ponto de vista pessoal) na internet, decidi dividir em duas publicações... Esta, onde vou partilhar um pouco sobre os locais que visitei e a viagem em si, e uma segunda sobre dicas de como organizar uma viagem deste género. Isto porque este ano fiz um Intrarail, um pacote disponível na CP Portugal, para jovens entre os 12 e os 30 anos.

 Existem dois cartões diferentes, o XCape para 3 dias de viagens e o Xplore para 7 dias de viagem. Eu e cinco amigos optámos pelo passe Xplore e iniciámos a nossa viagem a 19 de Julho.
 Como grande parte de nós conhecia bastante bem o sul do país, decidimos ir rumo ao norte, começando a nossa jornada pelo Porto.
 Aqui passámos três noites, mas apenas um dia inteiro, o que já nos possibilitou visitar bastantes locais, como os Jardins do Palácio de Cristal, a zona dos Clérigos, a Ribeirinha e a Ponte de D. Luís I. 









 No segundo dia, viajámos no comboio histórico da linha do Tua, que foi uma experiência incrível juntinho ao rio Douro. Passei a viagem colada às janelas, feliz como um cachorrinho num carro com a cabeça de fora hehehe Parecia uma autêntica criança. Parámos no Peso da Régua para almoçar conhecer um pouco a região. É uma cidade pequena, mas ainda têm alguns museus para visitar, nós optámos por entrar mais em contacto com a natureza e fazer um cruzeiro pelo rio e passear pelos jardins.











 No terceiro dia, fomos até Aveiro, passeámos pela cidade, visitámos o Museu da Cidade, fizemos uma viagem de Moliceiro e claro que fomos aos ovos moles! Tivemos muita pena de não ter passado mais tempo, é uma cidade linda e como bastante coisas para fazer ou conhecer.





 O quarto dia voltámos à linha do Tua, mas desta vez fomos até ao final, ao Pocinho. De lá apanhámos um taxi até Foz Côa e digo-vos, foi dos locais mais bonitos que visitei. Tem alguns museus, mas como tivemos alguns contratempos que nos reduziram a estadia, aproveitámos o primeiro dia para piscina e o fim do dia para ver os miradouros. Até a pousada tinha uma vista linda! Novamente, um local para estar em contacto próximo com a natureza.
 Quinto-dia, começou em Foz Côa e terminou novamente em Aveiro, foi um dia com mais tempo de viagem, mas ficámos mais próximos do destino seguinte. Acabou por não haver fotografias deste dia, por ter sido tão corrido. Mas a manhã foi passada pela pousada a admirar as vistas e o final do dia a passear pela zona mais interior de Aveiro, onde visitámos o Parque Infante D. Pedro.






 Sexto-dia, chegámos ao nosso último destino, S. Martinho do Porto. Nesta zona não tenho muitas fotografias por uma simples razão, só fomos à praia. Depois de tantas caminhadas e horas de viagem, estávamos mais cansados, daí termos reservado este local para último. Aproveitámos uma boa tarde de praia, voltámos para a pousada para um último jantar com conversa pela noite fora.
 O último dia, foi o que tivemos mais azar. Infelizmente acordámos para um céu cinzento e alguma chuva, pelo que antecipámos a nossa volta. O intuito era passar todo o dia na praia e voltar para Lisboa no final do dia, mas acabámos por voltar logo depois de almoçar.

 Foi realmente uma experiência incrível, que quero certamente repetir para conhecer novos sítios. Recomendo vivamente que façam algo do género, estes passes acabam por ser muito económicos e digo-vos que fiquei impressionada com os meus gastos tendo em conta o tempo de viagem. Noutra publicação que vai sair muito em breve, vou falar de preços, como é que planeámos a viagem e algumas dicas.

 Já tiveram oportunidade de viajar este ano? Contem-me tudo.

Beijinhos,
Joana R.

Intrarail Norte 2018

by on September 05, 2018
Olá pessoal,  Hoje quero partilhar com vocês um bocadinho das minhas férias. Sendo que esta viagem em especifico não tem muitas informa...